Usnea. Se calhar o nome não vos diz nada, mas juro (e estou a pôr a mão direita em cima da constituição das webzines) que esta é uma das melhores bandas de doom que os Estados Unidos vomitou nos últimos anos. Não me pagam para dizer isto, portanto confiem em mim, ou melhor, confiem nestes gajos de Portland que por sinal são admirados pelos YOB e olhados como o Magnus Carlsen dos riffs gordos, lentos, badalhocos, javardos, space-lovers, Sabbath-fucking-whoopy-doopy-nastyyyy-shit! Ouçam o último álbum deles, o “Random Cosmic Violence” (link abaixo), mas acima de tudo vejam como eles se portam ao vivo, neste vídeo registado em 2015 e que serve de aviso para quem for a Barroselas armado em campeão.